Pesquisar este blog

Um... Dois... Três... (Editora Bruguera)

Coleção Um... Dois... Três... Editorial Bruguera. LOGOTIPO

Um... Dois... Três... foi uma coleção de 16 livros infantis publicados pela editora Bruguera na década de 1960, possivelmente em 1968. Eram livrinhos de pouco texto e muitas ilustrações destinadas as crianças menores.

A coleção é a versão brasileira de uma coleção chamada "Cuentos animados", publicada pela Editorial Bruguera em 1963 em países de língua espanhola, como Espanha, Argentina, Colômbia, Venezuela e México. A coleção recebeu esse nome porque cada história era protagonizada por três personagens (animais). As histórias foram escritas pela espanhola Ana Isandra e as ilustrações são de Ramón Sabatés (1915-2003). A tradução para o português ficou por conta da dramaturga e escritora brasileira Maria Clara Machado (1915-2003).


Catálogo da coleção (16 títulos):

  1. Aí vai a bola (Ah! Va el balon)
  2. Pequenino e os ratinhos (Minino y los ratones)
  3. O come-tudo (Tragaperras)
  4. O ursinho que ia sempre pescar (El osito que iba a pescar)
  5. A oncinha joga golfe (Melenitas juega al golf)
  6. Quirimóia no circo (Chirymoia en el circo)
  7. O patinho Piruli (Gansito Piruli)
  8. Totó, o detetive (Peluso detective)
  9. O leão esperto (El leon astuto)
  10. O lobinho vai viajar (Lobito trotamundos)
  11. Pescocinho, a girafa (Pescuecin)
  12. A tartaruga na grande caçada (El dia mas largo)
  13. O burrinho na TV (Borriquito en la T.V.)
  14. O cãozinho delegado (Piturro y la jaqueca)
  15. O esquilo e o doce de abacaxi (El pastel de piña)
  16. A cabrinha e a tabuleta (La cabrita)
Coleção Um... Dois... Três... Editorial Bruguera CONTRACAPA
Contracapa dos livros da coleção

Hora Viva (Editora Positivo)

Hora Viva é uma coleção de livros infantis publicados pela editora Positivo, com 37 títulos de variados autores no catálogo. Cada título tem a indicação de sua própria faixa etária, que variam para crianças entre 6 e 11 anos.

Catálogo da coleção (37 títulos):
  1. 310 perguntas que eu nunca fiz ao meu avô (Fernando Bonassi)
  2. A guerra do chiclete (Miguel Sanches Neto)
  3. A menina, a vaca e o avô (Luís Pimentel)
  4. A montanha do menino (Christina Dias)
  5. A pontinha menorzinha do enfeitinho do fim do cabo de uma colherzinha de café (Elvira Vigna)
  6. A semana dos monstros (Jean-Claude R. Alphen)
  7. A Terra dos Avôs (José Ricardo Moreira)
  8. Abraço apertado (Celso Sisto)
  9. Admirável ovo novo (Paulo Venturelli)
  10. Catinga na Pensão Pirapitinga (Cláudio Martins)
  11. Ciranda mágica e outros poemas (Sônia Barros)
  12. Coleção de bichos (Rosana Rios)
  13. Como posso te amar? (Celso Sisto)
  14. Corra, Bernardo, corra! (Luís Dill)
  15. Fantasma equilibrista (Tânia Alexandre Martinelli)
  16. Flavia-flavia: a professora ao contrário (Luiz Raul Machado)
  17. Lá no alto (Ninfa Parreiras)
  18. Maçãs argentinas (Paulo Venturelli)
  19. Natal com lua cheia, chuva miúda e perfume de jasmim (Sonia Robatto)
  20. O Aeroclube (Walther Moreira Santos)
  21. O menino e a rolinha (Jorge Fernando dos Santos)
  22. O menino que perdeu a sombra (Jorge Fernando Dos Santos)
  23. O menino que queria ser árvore (Fabiano Tadeu Grazioli)
  24. O mergulho no espelho (Ninfa Parreiras)
  25. O tamanho da felicidade (Angélica Bevilacqua)
  26. O tempo escapou do relógio e outros poemas (Marcos Bagno)
  27. Pê e o vasto mundo (Paulo Venturelli)
  28. Pequenas confissões (Georgina Martins)
  29. Problemas com o cachorro? (Elvira Vigna)
  30. Quem quer lamber panela? (Gláucia de Souza)
  31. Sabido e Danado (Flávia Muniz)
  32. Se o menino tem asas (Sergio Napp)
  33. Tempo de caju (Socorro Acioli)
  34. Troca de segredos (Ronaldo Simões Coelho)
  35. Viagem ao outro lado do mundo (Roniwalter Jatobá)
  36. Visita à baleia (Paulo Venturelli)
  37. Vovô é um cometa (Ricardo Filho)

Confabulando (Editora Positivo)


Confabulando é uma coleção de livros infantis publicados pela editora Positivo desde 2008. São livros curtos, de 16, 24 ou 32 páginas, destinados a crianças entre 6 e 9 anos e que trazem fábulas em narrativas contemporâneas. Apesar da coleção ser publicada atualmente (setembro de 2018), os títulos foram inseridos no catálogo da coleção nos anos de 2008, 2009 e 2010, totalizando 11 títulos.

[capas de livros da coleção]

Lemos na contracapa dos livros da coleção: Dando ênfase ao inusitado, à surpresa e ao humor, as histórias da coleção Confabulando levam o leitor a refletir sobre os costumes da sociedade em que vivemos e a se conscientizar da importância de valores éticos socialmente consagrados.

Catálogo da coleção (11 títulos):
  1. À procura de um emprego (Júlio Emílio Braz)
  2. A rendeira borralheira (Socorro Acioli)
  3. Maria-Fê (Telma Guimarães Castro Andrade)
  4. O herói (Flávia Savary)
  5. O mal do lobo mau (Cláudio Fragata)
  6. O quarto pato (Índigo)
  7. O raposo e as luvas (Carlos Augusto Segato)
  8. Penas pro ar (Tânia Alexandre Martinelli)
  9. Telefante sem fio (Adriano Messias)
  10. Toma lá, dá cá (Flávia Muniz)
  11. Um tronco no meio do caminho (Rosana Rios)

Tânia Alexandre Martinelli (1964-, Brasil)

Nome: Tânia Alexandre Martinelli
Data de Nascimento: 19 de julho de 1964 (Signo: Câncer)
Local de Nascimento: Americana, São Paulo, Brasil
Pseudônimo: Tânia Alexandre Martinelli
Formação: Letras
Profissão: Professora, Escritora












Bibliografia (35 títulos): 
  1. Violeta (1998) [infantil]
  2. Tem um avô no meu quintal (2000) [infantil]
  3. A rua é um quintal (2000) [juvenil]
  4. Novos caminhos (2001) [juvenil]
  5. Com o coração do outro lado do mundo (2002) [juvenil]
  6. O que é que eu posso fazer? (2002) [juvenil]
  7. e-mãe: A Internet me aprontou uma! (2002) [juvenil]
  8. Quero ser belo (2003) [juvenil]
  9. Pai? Eu?! (2004) [juvenil]
  10. Procura-se um planeta sustentável (2004) [juvenil]
  11. Pontos na barriga (2005) [infantil]
  12. Debaixo da ingazeira da praça (2005) [juvenil]
  13. Rio vivo, rio morto (2007) [infantil]
  14. Princesas são diferentes (2007) [infantil]
  15. Redes de abuso (2008) [juvenil]
  16. Valter Valente e Pedro Preguiça (2009) [infantil]
  17. Janelas de dentro (2009) [juvenil]
  18. Perseguição (2009) [juvenil]
  19. Fantasma equilibrista (2009) [infantil]
  20. Penas pro ar (2009) [infantil] 
  21. Os bilhetes secretos (2009) [juvenil]
  22. Tudo o que eu mais queria (2010) [juvenil]
  23. A vida no escuro (2011) [juvenil]
  24. A canção de Brisa (2011) [infantil]
  25. Louco por HQs (2011) [juvenil]
  26. Tempo de rosas (2012) [juvenil]
  27. A melhor banda do mundo (2012) [juvenil]
  28. Fios e nós (2013) [juvenil]
  29. Pela metade (2013) [juvenil]
  30. Outro olhar (2014) [juvenil]
  31. O vaso chinês (2014) [juvenil]
  32. Leo na corda bamba (2014) [juvenil]
  33. Luna (2015) [juvenil]
  34. Maioria minoria (2016) [infantil]
  35. Olhar de frente (2018) [juvenil]


Participações em Antologias (2 títulos):
  1. A vida é logo ali (2015) [conto: Robens]
  2. Era uma vez para sempre... (2009) [conto: Cabelos arrepiados]


Outras informações:

Tânia Alexandre Martinelli é formada em Letras (Português e Espanhol) pela PUC (Ponfífica Universidade Católica) de Campinas e lecionou por 18 anos como professora de Língua Portuguesa.

Sylvio Pereira (1911-1995, Brasil)

Nome de Nascimento: Sílvio de Lima Gonçalves Pereira
Data de Nascimento: 1911
Local de Nascimento: São Paulo, São Paulo, Brasil
Data de Falecimento: 19 de maio de 1995 (84 anos)
Local de Falecimento: São Paulo, São Paulo, Brasil
Pseudônimo: Sylvio Pereira
Pais: Horacio Gonçalves Pereira e Silvia Berta Pereira
Esposa: Clara Bresser Gonçalves Pereira (1913-1991) (nome de nascimento: Clara Bresser Monteiro de Barros)
Filhos: Luís Carlos Bresser Gonçalves Pereira (1934-) e outros
Profissão: Jornalista, Advogado, Político, Professor, Escritor

Bibliografia (8 títulos):
  1. Nem a glória do inferno (1978) [romance]
  2. Dólares para vitória (1981) [romance]
  3. O preço de um sonho (1983) [romance]
  4. A primeira reportagem (1983) [infantojuvenil]
  5. Multidão em fúria (1984) [romance]
  6. A grande fuga (1985) [infantojuvenil]
  7. Fuga para a esperança (1987) [romance]
  8. Amor e morte em Atlântida (1994) [romance]

Outras informações

As 17 anos, Sylvio Pereira começou a trabalhar na imprensa. Foi jornalista dos jornais Correio Paulistano e A Razão. Em 1950, fundou e dirigiu o jornal O Tempo, que durou até dezembro de 1955.

Formou-se em Direito pela Faculdade do Largo São Francisco, na cidade de São Paulo. Em 1947, foi eleito Deputado Estadual pelo PTB (Partido Trabalhista Brasileiro). 

Seu filho Luís Carlos Bresser Gonçalves Pereira foi Ministro da Fazenda, entre abril e dezembro de 1987, no governo do presidente José Sarney; ministro da Administração Federal e Reforma do Estado, entre janeiro de 1995 e dezembro de 1998, no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso; e ministro da Ciência e Tecnologia, entre janeiro e julho de 1999, no segundo mandato do presidente Fernando Henrique Cardoso.

P. L. Travers (1899-1996, Austrália)

Nome: Helen Lyndon Goff (nascimento)
Data de Nascimento: 9 de agosto de 1899 (signo: Leão)
Local de Nascimento: Maryborough, Queensland, Austrália
Data de Falecimento: 23 de abril de 1996 (96 anos)
Local de Falecimento: Londres, Inglaterra
Profissão: Atriz, jornalista, escritora
Pais: Travers Robert Goff e Margaret Agnes Goff
Filho: Camillus Travers Hone (adotado)
Pseudônimo: P. L. Travers (Pamela Lyndon Travers)

 







Bibliografia (22 títulos):
  1. Mary Poppins (1934) [infanto juvenil] [no Brasil: Mary Poppins]
  2. Moscow excursion (1934) [ensaio sobre viagem: Moscou, Rússia]
  3. Mary Poppins comes back (1935) [infantojuvenil] [no Brasil: A volta de Mary Poppins]
  4. I go by sea, I go by land (1941) [infantojuvenil]
  5. Aunt Sass: Christmas stories (1941) [infantojuvenil]
  6. Ah Wong (1943)
  7. Mary Poppins opens the door (1943) [infantojuvenil] [no Brasil: As maluquices de Mary Poppins]
  8. Johnny Delaney (1944)
  9. Mary Poppins in the park (1952) [no Brasil: Mary Poppins no parque]
  10. Gingerbread Shop: A story from "Mary Poppins" (1952) [adaptação infantil do capítulo "Mrs. Corry" de Mary Poppins]
  11. Mr. Wigg's Birthday Party: A story from "Mary Poppins" (1952) [adaptação infantil do capítulo "Laughing Gas" de Mary Poppins]
  12. The magic compass: A story from "Mary Poppins" (1953) [adaptação infantil do capítulo "Bad Tuesday" de Mary Poppins]
  13. Mary Poppins from A to Z (1963) [infantojuvenil]
  14. The fox at the manger (1963) [infantojuvenil]
  15. Friend monkey (1972) [infantojuvenil]
  16. George Ivanovitch Gurdjieff (1973) [biografia]
  17. Mary Poppins in the kitchen (1975) [infantojuvenil]
  18. About the Sleeping Beauty (1975) [ensaio: contos de fadas]
  19. Two pairs of shoes (1980) [infantojuvenil]
  20. Mary Poppins in Cherry Tree Lane (1982) [infantojuvenil]
  21. Mary Poppins and the House Next Door (1988) [infantojuvenil]
  22. What the bee knows: Reflections on myth, symbol and story [ensaio: mitologia e folclore]

Biografias sobre a autora (4 títulos):
  1. P. L. Travers (1991, Patricia Demers)
  2. Mary Poppins, she wrote: The life of P. L. Travers (1999, Valerie Lawson) [no Brasil: Mary Poppins e sua criadora: A vida de Pamela Travers]
  3. A lively oracle: A centennial celebration of P.L. Travers, creator of Mary Poppins (1999, editores: Ellen Dooling Draper e Jenny Koralek)
  4. The real life Mary Poppins: The life and times of P.L. Travers (2013, Paul Brody)

Outras informações:

Helen Lyndon Goff ficou órfã do pai, vítima do alcoolismo, aos 7 anos. Ainda adolescente, publicou seus poemas nas revistas australianas The Bulletin e Triad. Nessa mesma época iniciou sua carreira como atriz com a companhia de teatro Allan Wilkie's Shakespearean Company. Quando se mudou para a Inglaterra em 1924, adotou o nome artístico de Pamela Lyndon Travers.

Ela começou a escrever Mary Poppins no inverno de 1933, num chalé próximo a cidade de Mayfield, condado de Sussex, que dividia com a amiga Madge Burnand desde 1931. Ambas dividiram um apartamento em Londres antes, a partir de 1927.

O livro Mary Poppins foi publicado em 1934 e alcançou grande sucesso. As filhas de Walt Disney leram o livro e se apaixonaram pela história, insistindo com o pai para que o adaptasse em um filme. Disney iniciou a tentativa de comprar os direitos de adaptação do livro com Pamela Travers já em 1938, mas a autora recusou alegando que não acreditava que uma versão cinematográfica fizesse justiça à sua criação. Somente em 1961, num momento em que Pamela passava por problemas financeiros, ela autorizou a produção do filme, mas exigindo que participasse da aprovação do roteiro. Travers não gostou do resultado final da adaptação, principalmente das músicas e do uso de animação, o que fez com que a autora não autorizasse nenhuma outra adaptação das sequências de Mary Poppins.

Coleção Estorinhas de Walt Disney (Editora Abril Cultural)


Estorinhas de Walt Disney foi uma coleção de 48 livros infantis publicados no Brasil pela editora Abril Cultural entre 1969 e 1971. 

Cada livro trazia uma história do universo dos estúdios de animação Walt Disney adaptado pela escritora Edy Lima (autora do clássico infantil A vaca voadora) em 24 páginas ricamente ilustradas. Os ilustradores que participaram do projeto, alternando nos títulos, foram Elias Andreato, Hirokazu Iahikawa, Laércio D'Angelo Ribeiro, Lídia Francelina Santos, Luisa Emiko Kawabi, Ricardo Amadeo Júnior, Satiko Arikita e Terezinha Bissoto. Cada exemplar vinha acompanhado de um compacto simples (disco de vinil 33 1/3 RPM) com a narração da história em 15 minutos pelo dublador e radialista Ronaldo Batista, com dramatização dos diálogos pelo elenco do estúdio R.C.A. (Radio Corporation of America) e efeitos sonoros. 

Uma segunda edição das publicações foram relançadas entre 1974 e 1976, mas os volumes deixaram de ter numeração na capa e foram acrescentados mais 12 títulos no catálogo da coleção, totalizando 60 títulos. Em 1979, a coleção foi reeditada novamente, agora com o título Historinhas Disney.

Para visualização das capas dos livros da coleção, acesse Estorinhas de Walt Disney (Editora Abril Cultural).

Texto das contracapas dos livrinhos:  Agora bichos, fadas, príncipes encantados vão falar para você. Procure de 15 em 15 dias, no seu jornaleiro, as "Estorinhas de Walt Disney", que contam as aventuras dos seus heróis em 24 páginas a cores, com os desenhos que você conhece do cinema. E ganhe ainda um disco grátis que traz para você as vozes dos bichos, os sons da floresta e as alegres canções dos filmes. Veja os magníficos desenhos. Leia as fantásticas aventuras. Ouça as encantadoras vozes dos personagens de Walt Disney.

Catálogo da coleção (48 títulos):

01 Mogli (1969)
02 Bambi (1969)
03 Branca de Neve (1969)
04 Os três porquinhos (1970)
05 Pedro e o lobo (1970)
06 A bela adormecida (1970)
07 A Dama e o Vagabundo (1970)
08 Dumbo (1970)
09 Pinóquio (1970)
10 Cinderela (1970)
11 O alfaiate valente (1970)
12 Peter Pan (1970)
13 Mary Poppins (1970)
14 O indiozinho Havita (1970)
15 Alice no País das Maravilhas (1970)
16 Os jacarés de estimação (1970)
17 Na Terra dos Brinquedos (1970)
18 O gafanhoto e as formigas (1970)
19 A floresta encantada (1970)
20 Robin Hood (1970)*
21 O patinho feio (1970) 
22 A roupa nova do imperador (1970)
23 João e Maria (1970)
24 Os três ursos (1970)
25 O Natal do Tio Patinhas (1970)
26 Chapeuzinho Vermelho (1971)
27 Os quatro músicos (1971)
28 Aventura no Vale Feliz (1971)
29 O ursinho Puf (1971)
30 A mina dos sete anões (1971)
31 Rapunzel (1971)
32 O mágico de Oz (1971)
33 A galinha ruiva (1971)
34 A volta de Mogli (1971)
35 O piquenique de Mickey (1971)
36 Donald e a bruxa (1971)
37 A espada era a lei (1971)
38 A ilha das maravilhas (1971)
39 O leão Cordélio (1971)
40 A baleia cantora (1971)
41 Os 101 dálmatas (1971)
42 O príncipe negro (1971)
43 A corrida dos bichos (1971)
44 O carro que falava (1971)
45 Bill, o valentão (1971)
46 Os anões mágicos (1971)
47 A família Robinson (1971)
48 Heidi (1971)

* A 2ª edição de Robin Hood, publicado em 1974, teve sua capa e ilustrações modificadas, já que os estúdios de animação da Disney havia lançado sua versão em desenho animado da história em 1973.

Com as novas edições lançadas entre 1974 e 1976, a editora Abril Cultural, em parceria com Walt Disney Productions, acrescentou 12 novos títulos, incluindo assim alguns de seus últimos lançamentos no cinema:

  1. 20.000 léguas submarinas (1975)
  2. A casa que pensava
  3. A ilha do tesouro
  4. Aristogatas
  5. Beto corre mundo
  6. Bernardo e Bianca em Missão secreta
  7. Quincas e o boneco de piche 
  8. O boneco de pão de mel
  9. O dia de ventania
  10. Se minha cama voasse (1975)
  11. Simbad (1975)
  12. Um chapéu de feltro e outro de palha